"A minha intimidade? Ela é a máquina de escrever. " Clarice Lispector

"A minha intimidade? Ela é a máquina de escrever. " Clarice Lispector

terça-feira, 1 de outubro de 2013

Marca de batom

Deixou a marca de batom vermelho
de nome perpétua
no pescoço do infeliz,
como quem quis perpetuar
sua presença no corpo do amado.
Do amante...
Acendeu um fogo brando
em velas purpúreas
e com o olhar retocou a paixão da chama
tinha fé que aquela oxidação
lhe renderia algum afeto
afetou-se.
Ele ia partindo...
Ela morreu.
Matou-se.
porque não queria mais dar satisfação
ao próprio corpo
e a mais ninguém.

(Raquel Amarante)

Pintura da Catherine Murphy: http://art.yale.edu/CatherineMurphy


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você pode fazer comentários mesmo sem ter uma conta do Google ou sem ter um site. Basta clicar em Nome/URL, colocar seu nome e comentar. Sejam bem vindos! ;)

Canções do Varal

Seguidores

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...