"A minha intimidade? Ela é a máquina de escrever. " Clarice Lispector

"A minha intimidade? Ela é a máquina de escrever. " Clarice Lispector

terça-feira, 5 de novembro de 2013

Carta não enviada nº 24: Quando não esperamos...

Eliseu,

Não é você, sou eu. Quando me parou, ao entardecer, na biblioteca, e disse o que sentia... rs Eu quis instantemente fazer uma poesia... Foi tão estranho... rs Desculpe. As bibliotecas têm dessas coisas comigo... rs Você é tão belo e sensível que minhas sobrancelhas até se levantaram por ser das Engenharias... Sinto muito não saber o que fazer com isso que expressou... Confesso nunca ter sido tão surpreendida... Eu fiquei pensando nisto até agora e voltei a uma imagem da 8ª série... rs Os homens... Eles sempre nos surpreendem... Há um segredo guardado à duas chaves acerca de "Camilo" e eu kkk Esse era o primeiro que eu devia ter revelado na noite da vodka que faço com as amigas do colegial ao longo dos anos, mas eu tinha me esquecido dele, e as coisas se repetem de forma diferente, mas enfim... kk Fico rindo sozinha... Justo hoje que eu estava sem energia, melancólica. Obrigada por seu olhar afetuoso. E sim, Eu fico na defensiva mesmo, e, sinto muito, mas, reitero minha avolia ante seu convite. Eu tenho uma burrice afetiva mórbida e preciso apagar um fogo de Darvaz que ainda me tira o sono.

Um beijo na testa também,

Stella

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você pode fazer comentários mesmo sem ter uma conta do Google ou sem ter um site. Basta clicar em Nome/URL, colocar seu nome e comentar. Sejam bem vindos! ;)

Canções do Varal

Seguidores

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...