"Quem medirá o calor e a violência do coração dos poetas, quando capturados e aprisionados no corpo de uma mulher?" Virgínia Woolf

quarta-feira, 4 de junho de 2014

Déjà Vu

Eu já estive ali
onde seus braços fazem curva.
Eu me senti bem
ali.
Mas daí, as vozes vêm..
Acorda!
Pra ser alguém...

(Raquel Amarante)




0 Comentários:

Postar um comentário

Você pode fazer comentários mesmo sem ter uma conta do Google ou sem ter um site. Basta clicar em Nome/URL, colocar seu nome e comentar. Sejam bem vindos! ;)

Seguidores

Canções do Varal