"A minha intimidade? Ela é a máquina de escrever. " Clarice Lispector

"A minha intimidade? Ela é a máquina de escrever. " Clarice Lispector

domingo, 17 de agosto de 2014

Meu filho, fica aí

Cê que tá aí, parado, ultrapassado,
datilografando suas emoções.
Meu filho, fica aí.
Vem pra esse mundo tecnológico não.
Aqui tem uma tal de fonte, que muda as letrinhas de jeito
quando a única fonte mesmo
deveria ser aquela
que faz coração bater no peito.


Liberdade pulsa na velocidade
do carrinho de roleman.
Com o tempo, vai-se o carrinho
fica só o man.
Meu filho, fica aí.
Não era direção hidráulica
que fazia seu carrinho voar.
Eram teus sonhos.


Meu filho, fica aí.
Não deixe morrer
teus valores
por bens materiais.
Não te deixe morrer, meu filho.
Não te deixe morrer.


(Raquel Amarante)



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você pode fazer comentários mesmo sem ter uma conta do Google ou sem ter um site. Basta clicar em Nome/URL, colocar seu nome e comentar. Sejam bem vindos! ;)

Canções do Varal

Seguidores

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...